quarta-feira, 28 de junho de 2017

Homem é preso após manter os pais trancados em casa por quatro dias e sacar o dinheiro da aposentadoria



O filho que manteve os paiis em cárcere privado foi detido com uma comerciante e os dois autuados
Um casal foi preso em flagrante pela Polícia Militar, nesta terça-feira (27), na cidade de Tamboril (a 282Km de Fortaleza), acusado da prática de crimes contra um casal de idosos. O filho é o principal suspeito de mantido as vítimas em cárcere privado por quatro dias sem, ao menos, dar-lhes comida e água. O homem se apoderou dos cartões bancários dos pais e passou a fazer saques bancários, furtando o dinheiro da aposentadoria dos anciãos.
A denúncia chegou ao conhecimento da Polícia Militar e, imediatamente, uma patrulha comandada pelo sargento Gláubio Campos deu início às diligências, até que no Centro da cidade foi preso Antônio Cavalcante Melo, 49 anos, que estava em companhia de Maria da Conceição Rodrigues. A mulher também recebeu voz de prisão.
Os dois foram levados para a Delegacia da Polícia Civil. Em poder deles foram encontrados os cartões bancários dos idosos Luís Melo de Sousa, 88 anos de idade; e de Francisca Cavalcante de Melo, 68. O casal estava trancado dentro de casa há quatro dias, na zona rural de Tamboril.
Flagrante
Com a comprovação do crime, os dois suspeitos foram autuados em flagrante por cárcere privado, seqüestro, maus-tratos a idoso, além  de indiciados no artigo 102 do Estatuto do Idoso, que trata do delito de “apropriação de proventos de idoso”. Diz a lei: “apropriar-se ou desviar bens, proventos, pensão ou qualquer outro rendimento do idoso, dando-lhes aplicação diversa d sua finalidade”. A pena varia de um a quatro anos de prisão, além do pagamento de multa.
Mara da Conceição Rodrigues foi posta em liberdade após o pagamento de uma fiança no valor de sete salários mínimos, totalizando R$ 7,2 mil.  Já o filho do casal foi encaminhado à Cadeia Pública onde ficará à disposição da Justiça.

←  Anterior Proxima → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário