A jovem mãe chegou no Hospital Municipal de Ipu ás 08h00, tomou a medicação para indução, e ficou até o outro dia, sentindo muitas dores, e esperando que seu filho viesse ao mundo, neste ínterim, foi deixada sozinha, enquanto ocorria a troca de plantão da médica que lhe atendera, o que não deu tempo, pois quando a parturiente foi em direção ao banheiro se banhar para aliviar as dores, antes de chegar na porta, o bebê começou a nascer, ela teve que ficar de cócoras, para segurar o bebê com as mãos, antes que o mesmo não caísse no chão e algo de pior acontecesse. 

Outras pacientes chegaram no quarto, alardearam e só assim surgiram enfermeiros de tudo quanto é canto, e a médica obstetra que disseram que já tinha ido embora para a troca do plantão, apareceu do nada. No outro dia foi a inauguração da Maternidade do Hospital Municipal de Ipu, em que o prefeito, inclusive tirou foto com essa mãe que sofreu horrores para o seu filho vir ao mundo, quando ela ia contar para o gestor tudo que tinha lhe acontecido, estrategicamente trataram de tirá-lo do local.

Fonte: Repórter Francisco José 


Postar um comentário

 
Top